Caos na Administração Pública suspende aulas e serviços essenciais em Ribeira do Amparo-BA

O município de Ribeira do Amparo-BA continua refém do jogo político envolvendo os poderes executivo e legislativo, em que os principais envolvidos, àqueles que deveriam representar a população, não resolvem, e tampouco justificam suas ações, demonstrando não se importar com o alto preço que os cidadãos estão pagando.

O município, através do prefeito Germano Santana, alega que existem recursos disponíveis nas contas públicas para serem aplicados para a execução dos diversos serviços, porém existe um impedimento orçamentário. Para resolver o problema, foi solicitado junto à Câmara de Vereadores uma suplementação em 35% do orçamento, que não foi atendido pelo legislativo, que por sua vez, aprovou apenas 3%. O retorno dos trabalhos na Câmara Municipal estava previsto para esta semana, porém não aconteceu por falta de quórum. Relembre

Na última quinta-feira (04), a prefeitura anunciou a suspensão da Coleta de Lixo. Antes disso, o fornecimento de água para as comunidades de: Fervente, Sete Casas, Cabo Verde, e Angico (Raspador), estão comprometidas, tendo em vista que as manutenções dos respectivos poços artesianos também estão suspensas pelo mesmo motivo.

Já nesta sexta-feira (05), a Secretaria Municipal de Educação anunciou a suspensão das aulas, já que a falta de recursos tem prejudicado os seguintes serviços: compra de material de limpeza, manutenção, material didático, merenda escolar, combustível para abastecimento dos transportes para estudantes e professores, manutenção dos carros, pagamento pessoal de apoio, contas de água e de energia elétrica.

Redação: Portal Alerta

Com informações: Joilson Costa

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo